9 de setembro de 2012

Opinião - As Aventuras de Hornblower


Horatio Hornblower é um jovem de 17 anos e está prestes a embarcar na maior aventura da sua época: a de oficial da Marinha Britânica, e logo no momento em que a Europa começa a tremer perante o génio militar de Napoleão Bonaparte. Mas antes que Hornblower possa mostrar as suas habilidades como líder e herói, ele terá que enfrentar a hostilidade dos seus camaradas, será forçado a um duelo e, mais importante, terá que se manter bem afastado da guilhotina em território inimigo. A sua coragem será testada até ao limite pela inclemência dos mares e a dura disciplina da Marinha, mas assim começa a carreira do jovem Hornblower para se tornar num dos maiores heróis das Guerras Napoleónicas. E numa das mais fascinantes personagens da literatura histórica.

Opinião:

"As Aventuras de Hornblower" é um romance histórico escrito pelo C.S. Forester, que retrata a vida de um jovem marinheiro inglês, um pouco antes da Guerra Napoleónica. A história mistura factos verídicos com fictícios.

Horatio Hornblower é um jovem de 17 anos, que acabou de entrar ao serviço da Marinha Real Britânica, para servir como Guarda-Marinha na fragata Justiniam. Mas como nunca antes tinha andado de barco a sua adaptação ao novo meio é algo turbulenta.

O autor consegue fazer uma óptima descrição das dificuldades envolventes a vida num navio envolvido num cenário de guerra, e que tem de estar sempre em alerta.

As descrições da batalhas navais estão muito bem descritas, e o autor tem o cuidado de explicar um pouco a estratégia das mesmas

A maior dificuldade que tive ao ler este livro foi perceber os vários termos náuticos usados. 

Gostei bastante do livro, e devo continuar a seguir esta longa saga, que é composta por 14 livros. Acho que os apreciadores de romances históricos que envolvam guerra, vão sem dúvida apreciar esta obra.

Avaliação: 8-10
Enviar um comentário