14 de junho de 2013

Opinião - O Espião Improvável


Em tempos de guerra», escreveu Winston Churchill, «a verdade é tão preciosa que deveria sempre ser acompanhada por um séquito de mentiras.» No caso das operações de contrainteligência britânicas, isto implicava encontrar um agente o mais improvável possível: um professor de História chamado Alfred Vicary, escolhido pessoalmente por Churchill para revelar um traidor extremamente perigoso, mas desconhecido. Contudo, os nazis também escolheram um agente improvável: Catherine Blake, a bela viúva de um herói de guerra, voluntária num hospital e espia nazi sob as ordens diretas de Hitler para desvendar os planos dos Aliados para o Dia D...

Opinião:

"O Espião Improvável" foi o romance de estreia do escritor norte-americano Daniel Silva. O livro teve um enorme sucesso que levou o autor a deixar o jornalismo e dedicar-se a tempo inteiro a escrita. 

Alfred Vicary é um professor de história escolhido pessoalmente pelo primeiro ministro inglês: Winston Churchill para integrar o MI5, serviços secretos britânicos. 

Catherine Blake é voluntária num hospital de Londres, mas tem um segredo perigoso, é uma agente secreta alemã que está a espera de ser activada.

Gostei muito deste livro. O seu enredo é bem construído e com várias personagens fortes, sendo ainda um livro bastante viciante na medida em que nos é difícil adivinhar o futuro das personagens

Futuramente devo ler mais livros deste autor que me conseguiu conquistar com este fantástico thriller de estreia. 

Avaliação: 8-10
Enviar um comentário