22 de fevereiro de 2010

Theon Greyjoy



Theon Greyjoy é o filho e o aparente herdeiro de Balon Greyjoy. Ele foi levado como refém e protegido por Ned Stark, quando ele tinha dez anos e foi criado em Winterfell por dez anos. Ele é magro, tem cabelos escuros, cruel e vaidoso, tem prazer em gabar-se na sua perícia com um arco e na arte da sedução. Tendo crescido como um refém noutra família, ele sente-se divido entre os mundos do Stark e dos Greyjoy, não pertencendo a nenhum em completo.

História:

Theon foi tomado como refém e protegido de Ned Stark, depois do fim da Rebelião dos Greyjoy. Depois disso foi criado e educado juntamente com as crianças Stark. As suas relações com os Stark são respeitosas e ele considera Robb como seu irmão mais novo, mas ele nunca teve uma boa relação com o filho bastardo de Ned, Jon Snow, o outro estranho à família.



Eventos ocorridos durante as Crónicas:

Theon estava presente quando as crianças Stark encontraram as crias de lobo gigante. Ele permaneceu em Winterfell depois de Ned ter partido para assumir o cargo de Mão do Rei. Foi durante esta altura que ele salvou Bran de um grupo de selvagens e desertores da Patrulha, mas Robb criticou-o por não ter actuado mas cedo. Este incidente feriu profundamente Theon. Depois do inicio da Guerra dos Cinco Reis, Theon tornou-se num fiel companheiro de batalha de Robb. Ele lutou ao lado do Robb nas Batalhas dos Acampamentos e dos Bosques Murmurantes, onde ele tomou orgulho por ter quase lutado com Sor Jaime Lannister.



Robb enviou Tyrion de volta para as Ilhas de Ferro para oferecer a Balon, o estatuto de Rei sobre as ilhas, se ele atacasse as terras dos Lannister no Ocidente com os seus dracares. Aeron e Balon criticaram os modos nortenhos de Theon, e Balon rejeitou a proposta de Robb. Pouco depois, ele encontra a sua irmã, que o seduz numa identidade assumida e humilha-o. Theon fica a saber dos planos de Balon para pilhar o Norte, mas recebe uma posição de baixa autoridade, sobre a supervisão de Aeron e Dagmer Boca-Fendida, Theon comandou oito dracares para pilhar a Costa Pedregosa.
Ele assaltou muitas aldeias mas teve problemas em controlar os seus homens. Quando as Lebres Selvagens marcharam para o interceptar, ele emboscou o grupo e afogou os sobreviventes depois da insistência de Aeron. Insatisfeito com as suas tarefas e invejoso da captura de um castelo por parte de Asha, Theon formulou um plano, contra as ordens que tinha recebido, e planeia capturar Winterfell. Ele convence Dagmer a marchar para a Praça Torrhen para atrair as forças que permaneciam em Winterfell. Com um pequeno grupo, Theon captura Winterfell, conseguindo apanhar os poucos defensores desprevenidos.

Com Winterfell sobre seu controlo, Theon toma Bran e Rickon como reféns. Mas Theon tem dificuldades em controlar a população de Winterfell, muitos dos quais que são seus conhecidos. Ele liberta Ramsay Bolton, que estava disfarçado de "Reek", da masmorra do castelo e toma-o ao seu serviço. O meistre Luwin também serve Theon e implora-lhe para demonstrar misericórdia e tolerância. Bran e Rickon conseguem fugir, com a ajuda de Osha, Hodor, Meera e Jojen. Theon falha na sua busca, e a coselho de Reek, mata dois rapazes camponeses com aproximadamente a mesma idade deles e esfola as suas caras e depois apresenta-os sendo os dois rapazes Stark.



Quando a guarnição de Winterfell voltou, Theon pediu ajuda a sua irmã Asha. Quando ela chega com os seus homens, diz a Theon que os homens de ferro nunca irão conseguir manter com sucesso castelos longe do mar. Depois de deixar para trás um grupo simbólico de homens, Asha abandona Winterfell e aconselha a Theon que faça o mesmo. Theon enraiveceu-se quando o seu maior feito não tinha dado o respeito dos Nortenhos e dos Homens de Ferro, e afundou-se no desespero. Ele libertou Reek para ele procurar ajuda no Forte do Pavor antes que a guarnição comandada por Sor Rodrik Cassel chegasse a Winterfell. Como ultimo trunfo, Theon ameaçou enforcar a filha de Sor Rodrik, Beth, se Winterfell fosse atacada. Enquanto está a espera da decisão de Sor Rodrik, meistre Luwin convence Theon a juntar-se à Patrulha da Noite, onde os seus crimes serão perdoados e pode ganhar respeito que ele tanto procura. Mas antes de Theon conseguir render-se, os homens de Bolton chegam e atacam de supresa as forças de Sor Rodrik. Quando theon tenta agradecer a Reek, ele revela a sua vedadeira identidade, Ramsay Bolton, e toma Theon como prisioneiro.

Theon foi acusado do assassinato dos rapazes Stark e da destruição de Winterfell. Ele é mantido como prisioneiro no Forte do Pavor, onde é reportado que ele está a ser esfolado como os velhos costumes do Bolton. Um bocado da sua pele foi entregue a Catelyn Tully durante o Casamento Vermelho. Alguns dos homens de ferro, incluindo a sua irmã Asha, acha que ele está morto.
Enviar um comentário